Ao amor da minha vida!
Vera Jarude
Interpretação: Astir*Carr
 



Quis tanto nosso encontro e,
cada dia que passava, era como
se fosse ficando mais distante.
Quis tanto você, amor da minha
vida, tão esperado e sonhado
que acho que me perdi
nesta espera.
Quis tanto, tanto você, meu
amor, e não sabia se devia ir
te encontrar
para te entregar tudo
que guardei para você, amor.
Quis tanto, meu amor,
e agora me vejo sozinha
querendo - até parece que quero
um tesouro escondido de
tão precioso que és...
Sinto-me  até  incapaz de oferecer
o que você procura, já
que só tenho o amor
para doar.
Quis tanto e agora vejo
que parece um sonho ou pesadelo.
Por favor, não deixe que a inveja
ou cobiça, atrapalhe este amor.
Amor tão chorado, tão doído,
tão esperado...
minhas forças já não estão suportando.
Quero correr para seu braços
e temo deles cair e não ter
em quem segurar.
Nem sei mais o que pensar, só
sei que te amo e vou pelo mundo
te amando!


Arte e Formatação: Vera Jarude

 

 

Voltar